Curso 1: Conhecendo mais a Bíblia Sagrada

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

Nesta série de cursos vamos abordar algumas curiosidades acerca da Bíblia e que poderão ajudar o leitor (a) a entender melhor os textos sagrados e como eles chegaram até nós.

Istambul – 10/10/2017

Em primeiro lugar, vamos entender o que é a Bíblia e sua origem. É uma palavra que vem do grego “bíblia”, que significa livros. É usada para designar os textos do Antigo e do Novo Testamentos que são reconhecidos pelas igrejas cristãs ao redor do mundo. É importante entender que a Bíblia é revelada e inspirada por Deus e vem trazer os propósitos de Deus para as nossas vidas.

Inspiração é a influência que Deus exerceu, no passado, sobre os autores humanos que registraram os planos e propósitos de Deus para o mundo, ou seja, tudo o que está escrito na Bíblia não surgiu por causa da criatividade humana, mas pela influência divina. E é isso que dá autoridade à Bíblia.

A Bíblia, cujo propósito central é apresentar a história da redenção humana, contém textos divididos, a partir do século 2º, em Antigo Testamento (AT) e Novo Testamento (NT), servindo para diferenciar as escrituras hebraicas das cristãs. Os dois termos também se referem à Antiga Aliança ou lei mosaica e Nova Aliança, assim determinada após a morte de Cristo.

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

O Antigo Testamento descreve a revelação de Deus para o povo e foi escrito em sua maior parte na língua hebraica, embora alguns trechos tenham sido escritos em aramaico. O Novo Testamento aborda o nascimento e o ministério de Jesus, e a história da igreja cristã.

A Bíblia contém 66 livros, sendo 39 no AT e 27 no NT, divididos em: históricos, poéticos e proféticos. Vamos começar pelos livros históricos, que são aqueles em que se inclui o Pentateuco, ou seja, os cinco primeiros livros bíblicos.

São eles: Gênesis, que narra o início de tudo; Êxodos, que trata da saída dos israelitas do Egito; Levítico, que aborda as leis; Números, que aborda a organização das tribos de Israel; e Deuteronômio, que é a repetição da Lei para a nova geração. Em seguida vêm os livros de Josué, Juízes, Rute, 1 e 2 Samuel, 1 e 2 Reis, 1 e 2 Crônicas, Esdras, Neemias e Ester.

Na próxima sequência do curso vamos abordar os livros poéticos e proféticos.

 

 

Compartilhe:

Deixe comentário