Crônicas de Istambul: Depois da tragédia, as homenagens e a solidariedade

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

20161211_134151Istambul – 13/12/2016 – Mais uma vez a Turquia é abalada pela violência dos atentados terroristas que não respeitam a vida, seja a do terrorista ou da população, mas que reflete a luta entre os curdos e o governo turco. Porém, no fundo, é uma insanidade que só vai piorar a situação do país.

Embora viver na Turquia seja bom, às vezes levamos um susto por causa de atentados, especialmente o deste final de semana, ocorrido em frente ao estádio de futebol do clube Besiktas, em Istambul, que resultou na morte de 44 pessoas e deixou mais de 150 feridos.

20161211_132103O atentado aconteceu às 22h30 (17h30 horário de Brasília) e provocou apenas danos materiais ao prédio em frente ao estádio, onde se localiza, inclusive, o consulado brasileiro. Havia muitos vidros quebrados no local. Foram duas explosões: uma com um carro-bomba e outra em que um homem-bomba se explodiu, atingindo principalmente policiais e pessoas que estavam passando de carro pelo local. O estrago só não foi maior porque, com o término do jogo de futebol uma hora antes, quase não havia mais torcedores no local.

Do nosso apartamento, a cerca de 3 km de distância, foi possível ver o momento da explosão, quando a primeira bomba explodiu o barulho foi pequeno, mas vimos uma bola de fogo muito grande no local. Abrimos a janela e alguns segundos depois nova explosão, muito mais forte e que fez tremer um pouco a janela. Em seguida vimos fogo na rua, mas só depois nos certificamos que era um carro incendiado.

Foi quando tivermos a certeza de que algo errado estava acontecendo e alguns minutos depois a TV turca começou a noticiar o atentado e a mostrar as imagens de destruição. Segundo a imprensa local, o grupo Falcões da Liberdade do Curdistão (TAK), ligado ao Partido dos Trabalhadores Curdos (PKK) seria o autor do atentado.

Consul Geraldo Brasil no centro da foto ao fundo. Reprodução da internet
Consul Geraldo Brasil no centro da foto ao fundo. Reprodução da internet

O local foi palco de manifestações no domingo contra o atentado e de homenagens. Na segunda-feira, a prefeitura local promoveu homenagem  que contou com a participação de diversos cônsules gerais estrangeiros, inclusive o cônsul brasileiro, Paulo Roberto França, esteve presente. Mais tarde, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan também esteve no local para homenagear as vítimas, Além disso, o clube Besiktas, que também perdeu funcionários, informou que fará um jogo e que a renda será revertida para as famílias das vítimas.

Depois do susto, parece que tudo volta ao normal, as pessoas circulam tranquilamente pelas ruas, vão para o trabalho, para a escola, etc. Mas no fundo, assim como nós, muitas pessoas devem ficar um pouco mais apreensivas. Afinal, não sabemos o que nos espera o minuto seguinte.

Por isso é sempre bom fazer uma oração antes de sair de casa, pedindo a Deus proteção e cuidado. E que Ele nos leve e nos traga de volta para casa em paz!

 

Compartilhe:

Deixe comentário