Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

Páscoa - ressurreicaoAmados leitores, quero que vocês conheçam mais profundamente a importância e o significado da Páscoa. As pessoas em geral e especialmente no mundo secular olham a Páscoa apenas como mais um dia de festa e mais oportunidade de comprar os ovos de chocolate.

Mas a Páscoa, para os cristãos, tem um significado muito diferente. É claro que já nos habituamos a dar e a ganhar chocolates, afinal, estamos num mundo que nos impele a isso. Porém, para nós há um significado mais profundo nesta data.

Ela representa a passagem de uma situação para outra, um tempo de mudanças. Vejamos alguns pontos para reflexão sobre o seu verdadeiro significado.

1- A Páscoa é um tempo de expectativa (Ex. 12:1) 

O povo hebreu aguardava ansiosamente por algo que estava para acontecer. Depois daquela noite, suas vidas não seriam mais as mesmas. A sua história mudaria drasticamente, pois estariam livres para sempre do Egito.

2- A Páscoa é um tempo de compartilhamento (Ex. 12:3-4)

É tempo de compartilhar a vida de Cristo que há em nós. 

3- A Páscoa é um tempo de aplicação de estratégias (Ex. 12:5-11)

Deus orientou seu povo para agir de determinada maneira. Foram várias orientações: o cordeiro será sem defeito; ele será imolado no crepúsculo da tarde; tomarão do sangue e o porão nas portas… 

4 – A Páscoa é um marco histórico e existencial (Ex. 12:12-14a)

  • O Sangue vos será por sinal
  • Este dia vos será por Memorial

 5- A Páscoa é um tempo de celebração eternizada (Ex. 12: 14b)

Jesus e o cordeiro pascal que tira o pecado do mundo. 

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

6- A Páscoa é um tempo de adoração consciente (Ex. 12:27b)

A Páscoa não é um ritual, mas sim um período de adoração consciente que todos nós devemos dispensar a Jesus. 

7- A Páscoa é um tempo de libertação (Ex. 12:51)

“Naquele mesmo dia, tirou o Senhor os filhos de Israel do Egito…”.

Para concluir, observe que na história do povo de Deus, a Páscoa tem seu ponto alto na ressurreição de Cristo, onde a morte foi vencida e, consequentemente, a vida nos foi oferecida gratuitamente. Em Cristo, nós temos a passagem da morte para a vida! Da escravidão para a liberdade total! 

Pr. Joiadas Soares

Complementando o texto anterior, a Páscoa é uma festa instituída em lembrança da morte dos primogênitos do Egito e da libertação dos israelitas. A palavra Páscoa deriva do hebraico e significa a passagem do anjo exterminador, sendo poupadas as habitações dos israelitas cujas portas tinham sido aspergidas com o sangue do cordeiro pascal (Ex.12.11-27).

Chama-se a “Páscoa do Senhor”, a “festa dos pães asmos” (Lv 23.6, Lc 22.1), os dias dos “pães asmos” (At. 12:3, 20.6). Segundo o Novo Testamento, Cristo é o sacrifício da Páscoa. Jesus Cristo, desse modo, é tido pelos cristãos como o Cordeiro de Deus que foi imolado para salvação e libertação de todos do pecado. Para isso Deus teria designado sua morte exatamente no dia da Páscoa judaica para criar o paralelo entre a aliança antiga, no sangue do cordeiro imolado, e a nova aliança, no sangue do próprio Jesus imolado.

 

 

 

 

Compartilhe:

Deixe comentário